8.ª Conferência Marketeer: marcas têm de preencher o gap

O marketing tradicional, assente na compra e venda tem de acabar. Pedro Pombo, head of Accenture Digital, vinca que é fundamental que as marcas acompanhem os seus clientes para além dos momentos de compra.

No âmbito da 8.ª Conferência Marketeer, Pedro Pombo explica que se as marcas não enveredarem por esta estratégia, serão substituídas por outras. «No caso dos seguros, há contacto entre a seguradora e segurado no momento de compra, aquando de acidentes e quando têm de renovar a apólice. E nos períodos de tempo entre estes acontecimentos? Há que ser relevante e romper com o tradicional», refere o responsável.

Pedro Pombo vinca que a jornada do cliente é maior que o processo de compra e venda, pelo que há que continuar a ser relevante, já depois da compra efectuada. «Quando um produto é vendido, o cliente espera que, ao abrir a caixa, as suas expectativas não sejam defraudas. E se não houver detalhes como a disposição dos elementos dentro da caixa, isso acontecerá», sublinha o head of Accenture Digital.

Uma das formas de fazer frente a esta questão passa pelo aproveitamento do elevado uso de dispositivos em Portugal. Com recurso aos dados registados pelos mesmos, é possível proporcionar experiências ao longo do ano, com base nos interesses dos utilizadores, e assim estreitar relações com os clientes. «Temos de passar do racional para o emocional, passar de transacções para relações. Porque se não se proceder a esta estratégia, aparecerão outros players que preencherão o vazio entre a marca e cliente», finaliza Pedro Pombo.

Texto de Rafael Paiva Reis

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

*