Pagamentos Visa a caminho dos dispositivos conectados

Pagar compras através de um relógio, anel ou automóvel poderá não ser uma realidade muito distante. A IBM e a Visa juntaram-se para transformar todos os dispositivos conectados do mundo em potenciais pontos de venda, recorrendo aos sistemas Watson Internet of Things e Visa Token Service.

O plano das duas empresas é garantir que os consumidores possam realizar pagamentos através de 20 mil milhões de dispositivos, no prazo de cinco anos. Harriet Green, director-geral da IBM Watson IoT, acredita que a combinação de conhecimento e tecnologia da IBM e Visa resultará no «próximo momento definidor do retalho, permitindo pagamentos através de qualquer objecto conectado, com novos níveis de simplicidade e conveniência para todos».

Em comunicado, são dados ainda alguns exemplos práticos dos frutos que esta parceria poderá dar: o condutor de um automóvel deverá ser capaz de pagar o combustível através de uma interacção directa entre o veículo e o posto de abastecimento; e um atleta receberá um alerta relativamente à necessidade de substituir as sapatilhas de corrida, podendo realizar a compra através do seu dispositivo de fitness.

«A Internet das Coisas não está apenas a promover um mundo mais conectado, está a alterar o modo como vivemos, compramos e pagamos», conclui Jim McCarthy, vice-presidente executivo de Inovação e Parcerias Estratégicas da Visa Inc..

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

CAPTCHA

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.