Ervideira alavanca com topos de gama

Depois de anos a trabalhar volume, a Ervideira está agora apostada em ganhar valor. Está a reforçar os topos de gama, a lançar produtos diferenciadores, a investir na construção da marca e a trabalhar a exportação. Uma estratégia em curso desde 2009, que agora começa a apresentar resultados

Texto de M.ª João Vieira Pinto

«2016 foi um ano de crescimento nacional em que atingimos todos os objectivos. Este ano, vamos apostar novamente na exportação. Continuamos a procurar a melhoria contínua de mercados europeus, como a Suíça, Alemanha, Holanda, Luxemburgo e Bélgica e outros como a China, Brasil e Angola. Esta procura é baseada em vinhos exclusivos, como o Invisível e o Vinho da Água, que se mostram marcas ‘alavanca’.» A estratégia é da Ervideira que, conforme explica o director-executivo Duarte Leal da Costa, está neste momento a olhar para mercados como a Colômbia, México, EUA, Canadá, Coreia do Sul e Japão.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Fevereiro de 2017 da revista Marketeer.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

*