Já pode pedir o 3Mosso

Se é dos que gosta de se sentar ao final do dia, numa esplanada, com uma imperial e um prato de tremoços, saiba que a partir de agora os vai começar a poder pedir… por marca! Chama-se 3Mosso e acaba de ser lançada por Diogo Campos Costa, 23 anos.

Um conceito que surgiu em jeito de projecto de mestrado e que se concretizou nos últimos seis meses, depois de Diogo ter constatado «a falta de uma marca num segmento superior, gourmet». De então para cá, contactou fornecedores – tendo fechado com um da região de Lisboa que lhe assegura, à partida, 10 mil quilos de tremoço de calibre superior -, desenvolveu a marca, concebeu um site, desenhou embalagens e testou receitas. Para que a 3Mosso esteja desde já disponível nas variedades simples, alho e orégãos ou picante (irá alargar a mais três, ainda em teste), que serão vendidas em embalagens de papel, recicláveis, por 1 euro.

Para se apresentar ao mercado, Diogo Campos Costa fechou presença com alguns festivais de Verão, como o EDP Beach Party, Nos Alive, Super Bock Super Rock, EdpCoolJazz e Meo Sudoeste e, a 2 de Junho, começará a apresentar a marca no concerto dos Guns N’ Roses, no Passeio Marítimo de Algés.

Depois dos festivais, o objectivo é entrar em algumas lojas gourmet, restaurantes e aeroporto, bem como alargar ao mercado francês e brasileiro. E, para estes canais, desenhada foi uma segunda peça, feita em barro na maior terra oleira em Portugal, no Corval.

Para comunicar a marca, Diogo lembra não só o facto deste petisco «proporcionar momentos de convívio», como de se tratar de «um alimento saudável já que contém pouca gordura e é rico em proteínas e fibras».

diogo campos costas 3mosso

Texto de M.ª João Vieira Pinto

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

*