Investimento em alojamento universitário ultrapassa os 750 ME

Desde o final de 2016, várias empresas nacionais e internacionais anunciaram o investimento em projectos imobiliários que incluem a construção de residências para alunos em várias cidades portuguesas. No total, as previsões apontam para um investimento superior a 750 milhões de euros. Quem o garante é a Uniplaces, que se prepara para promover uma conferência sobre este tema.

“The Class Conference” é o nome da conferência internacional que aterra, pela primeira vez, em Lisboa, no Convento do Beato, nos dias 15 e 16 de Novembro, e que terá a Uniplaces como anfitriã. Trata-se do maior evento internacional de habitação universitária, organizado pela plataforma The Class of 2020.

“Building Bridges Over Growing Barriers” é o tema da edição deste ano, que pretende discutir e melhorar a forma como os estudantes vivem na Europa. Eduardo Marçal Grilo (ex-ministro da Educação e actual director da Fundação Calouste Gulbenkian), Jo Ritzen (ex-ministro da Educação da Holanda) e Miguel Fontes (CEO da Start Up Lisboa) são alguns dos oradores já confirmados.

«O mercado das residências de estudantes em Portugal é cada vez mais atractivo para investidores internacionais, pois o número de estudantes estrangeiros no nosso país cresce ano após ano», afirma em nota de imprensa Miguel Santo Amaro, co-fundador da Uniplaces. «A oferta de alojamento para estudantes no nosso país ainda está muito concentrada em alojamentos privados, e cidades como Lisboa, Porto e Coimbra estão no radar dos investidores internacionais», garante.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

*