Portugal é “key country” para o Grupo Calzedonia

Uma nova sede, renovação do parque de lojas e mais aberturas de pontos de venda das diferentes marcas. É todo um processo de crescimento e investimento aquele que o Grupo Calzedonia tem em curso para o mercado português, ou não fosse considerado “key country”.

Texto de M.ª João Vieira Pinto

Há marcas que se vão tornando sinónimo do segmento de mercado em que actuam. É precisamente o que o Grupo Calzedonia tem vindo a conseguir para as suas. O grupo, com sede em Verona, ganhou o seu espaço no mundo da lingerie e hosiery e, depois do mercado de origem, alargou a todo o mundo, entre EUA, Japão ou Rússia.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Fevereiro de 2018 da revista Marketeer.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

*