Portugal: turismo de qualidade

O Hotel Dom Pedro Palace, em Lisboa, recebeu o último pequeno-almoço debate do ano dedicado ao turismo. As diferentes visões sobre o sector em crescimento estiveram em discussão.

Texto de Sandra M. Pinto

Foto de Carlos Ferreira

Que Portugal está na moda é inegável. Hoje, mais do que nunca, os turistas procuram o País pelas praias, gastronomia e cultura. Os proveitos do turismo estão a crescer cinco vezes mais que o ritmo de crescimento do número de hóspedes. As receitas subiram 13,9% nos primeiros seis meses do ano, face a igual período do ano passado, para 6,9 mil milhões de euros, segundo dados divulgados pelo Banco de Portugal.

Como que a confirmar esta tendência, Portugal foi eleito como o “destino a visitar” em 2018 pelos Virtuoso Awards – uma rede global de viagens de luxo. De facto, tudo parece indicar que Portugal se afirma cada vez mais como um destino de qualidade, atraente para turistas que gastam mais. Mas será mesmo assim? O que pensam os players desta tendência?

Este e outros temas serviram de base ao pequeno-almoço que teve lugar no Hotel Dom Pedro Palace, em Lisboa, e onde estiveram presentes: Catarina Pádua (Grupo Vila Galé), Catarina Zagalo (ANA – Aeroportos), Eduardo Cabrita (MSC Cruzeiros em Portugal), Paulo Monge (Sana Hotels), Isabel Barata (Electricidade dos Açores), Margarida Blattmann (Springwater Tourism) e Bernardo Corrêa de Barros (Cascais Dinâmica).

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Novembro de 2018 da revista Marketeer.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...