Neuromarketing: medindo as emoções

42-20313126Os recentes avanços tecnológicos e a continuada pesquisa da neurociência aplicada ao estudo de comportamentos permi­tem cada vez maior aproximação ao conhecimento do consumidor, através das técnicas de neuromarketing

Sabemos hoje, que muitas das reacções que julgamos controlar são na verdade muitas vezes produzidas de forma subconsciente e emocional. Apesar de acreditarmos que as nossas decisões são efectuadas de for­ma consciente e racional, na realidade são processadas pelo nosso cérebro condicionado pela emoção e to­madas imediatamente antes de consciencializarmos a decisão que julgamos puramente racional. Depois da decisão tomada, procuramos encontrar justificações conscientes e racionais para as escolhas que fizemos.

PARA LER O ARTIGO NA ÍNTEGRA CONSULTAR EDIÇÃO IMPRESSA Nº170

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
CGD tem uma nova directora Central de Recursos Humanos
Automonitor
Novo Renault Zoe agora com 390 km de autonomia