Philip Morris criou uma nova palavra: desfumar

A nova campanha da Philip Morris International (PMI), da qual a Tabaqueira é subsidiária em Portugal, é dirigida a fumadores mas também a pessoas que não fumam, legisladores, reguladores e agentes de mudança. A todos eles, a empresa lança um apelo no sentido de trabalharem em conjunto na construção de um futuro melhor – e com menos fumo.

“Um Ano para Desfumar” é o nome da campanha que visa pôr fim ao impasse político na elaboração de políticas sobre alternativas aos cigarros, segundo explica a Philip Morris em comunicado. «Permitir que as pessoas façam uma escolha informada acerca das alternativas menos prejudiciais disponíveis no mercado é a opção mais acertada, sendo que os políticos têm um papel crucial na concretização da mesma. Estamos a pedir que uma conversação global unificada impulsione a verdadeira mudança», afirma Jacek Olczak, Chief Operating Officer da PMI.

No fundo, a ideia é: se não fuma, não comece; se fuma, deixe; caso não deixe, mude. «É isto que queremos dizer com a palavra desfumar, até agora inexistente no dicionário», acrescenta Jacek Olczak, sublinhando que eliminar a combustão no acto de fumar reduz substancialmente os níveis de substâncias químicas e prejudiciais encontradas no fumo dos cigarros.

Até à data, a Philip Morris investiu mais de seis mil milhões de dólares (5,3 mil milhões de euros) em investigação, desenvolvimento, fabrico e comercialização de produtos sem fumo, como é o caso do Iqos.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Tem um projecto de inclusão social? Saiba como ter apoio financeiro
Automonitor
Ensaio: Mercedes-AMG A 35 4MATIC – Genes desportivos