Por que é que a Lexus teve o seu melhor ano?

Porque rejuvenesceu a marca, alargou a rede de vendas, investiu em formação, reforçou o serviço e estendeu a comunicação. Para este ano, as perspectivas são de novo recorde.

Texto de M.ª João Vieira Pinto

Foto de Paulo Alexandrino

O ano de 2018 foi de recorde de vendas para a Lexus, no mercado português, com mais 24% de vendas por comparação a 2017, o que se traduziu em mais 560 matrículas registadas. Este ano, as estimativas da marca – que continua a ser de “nicho” face a fabricantes de volume – apontam para novo crescimento. Ditado pelo reforço do portefólio, com o lançamento de dois novos modelos ainda no primeiro trimestre (o Lexus ES 300h e o UX 250h, o novo crossover híbrido), o alargamento da rede de concessionários de venda e pós-venda, assim como pelo investimento na formação dos colaboradores para que o serviço final acompanhe o posicionamento premium da marca.

Tudo para que se venha a afirmar como «a marca premium mais desejável do mercado», diz João Pereira, Brand and Product manager para o mercado português.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Fevereiro de 2019 da revista Marketeer.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...